Modelo Assistencial

Sistema de saúde integrado e alinhado à entrega de valor: como garantir uma alta segura?

DRG Brasil
Postado em 5 de fevereiro de 2021

Dificuldade na comunicação e baixa sinergia influenciam negativamente os processos no sistema de saúde, fazendo com que se tornem mais burocráticos e gerem desperdício de recursos. Um sistema integrado de saúde baseada em valor é uma solução possível, pois tem o papel de otimizar a gestão, encadear melhor os processos e entregar mais valor ao paciente.

O sistema integrado de saúde se define em uma melhor coordenação de processos, comunicação fluida, responsabilidade conjunta e objetivos compartilhados. Na prática, busca a melhoria constante, a partir de indicadores precisos e uma redução de custos.

No texto, explicamos como um sistema de saúde integrado se relaciona com a entrega de valor e garante uma alta segura ao paciente!

Como um sistema de saúde integrado garante uma alta segura para o paciente?

Todo sistema integrado trabalha com metas compartilhadas. A ideia é que a soma de cada meta pequena forme um todo. Ou seja, é um conjunto estruturado e ordenado, no qual os elementos se mantém em interação e seguem na mesma direção. 

No caso do sistema integrado de saúde baseada em valor, um dos principais focos é a entrega de serviços de qualidade ao paciente. Hospitais, operadoras e toda a cadeia produtiva de saúde — em vez de olharem apenas para si e os próprios ganhos — trabalham com o mesmo objetivo principal, que é fornecer um tratamento adequado, visando a melhoria da assistência e a redução de desperdícios.

Uma boa integração trabalha com dados, que precisam ser coletados, de forma realista, transformados em informações relevantes e, depois, centralizados, para que sejam compartilhados entre todos os atores de cada parte do sistema. 

Um sistema integrado de saúde também trabalha com uma cultura de abordagem proativa e preventiva, que orienta melhor o paciente. Assim, no lugar de ser o paciente o responsável por decidir seu percurso assistencial — muitas vezes, errando o caminho, até encontrar a solução do seu problema —, ele é orientado, com informações mais precisas.

O cuidado é centrado na saúde do paciente, por isso evitam-se desperdícios relacionados a readmissões ou ineficiência do uso do leito hospitalar, por exemplo. Todas as ações são planejadas, com objetivos e metas, além do controle de indicadores, para propiciar boa experiência a quem deve ser o foco do atendimento.

leito de hospital vazio, mostrando como o sistema de saúde integrado auxilia na alta segura

Como funciona um sistema de saúde integrado?

Um sistema integrado de saúde baseada em valor tem como característica o apoio de tecnologias. É preciso uma solução informatizada, que reúna, centralize e estratifique dados. A fluidez de informações, entre os diversos níveis de complexidade, contribuirá para que haja mais comunicação entre os especialistas, sinergia nas atividades e entrega de valor.

Na prática, é comum o uso de ferramentas administrativas, a exemplo do PDCA, que, além de objetivar a melhoria contínua, ajuda a ilustrar a implementação de um sistema de saúde integrado:

  • planejamento (plan): etapa em que o problema é analisado. Constrói-se um plano, com as etapas a serem executadas. No sistema de saúde, pode-se, por exemplo, estudar o histórico do paciente e planejar ações preventivas. Também é importante incluir o planejamento eficiente de recursos;
  • execução (do): o momento de colocar em prática o que foi planejado. Recursos e equipamentos precisam estar disponíveis durante a condução das ações;
  • verificação (check): por meio do uso de indicadores, é feita uma análise para entender se a execução cumpriu o que foi planejado;
  • atuação corretiva (act): a ideia é a melhoria contínua, mesmo que as expectativas tenham sido alcançadas. Nesse sentido, é importante pensar em estratégias para a entrega de resultados ainda mais otimizados.

Vantagens no sistema integrado de saúde

Não podemos falar de um sistema integrado de saúde baseada em valor sem pensar na governança clínica. É por meio dela que alcançamos mais qualidade assistencial e vantagens das quais todos — operadoras, hospitais, paciente, equipes assistenciais — se beneficiam:

  • redução de desperdícios;
  • controle da sinistralidade;
  • melhoria na sustentabilidade econômica do sistema de saúde;
  • entrega de serviços mais satisfatórios;
  • tratamentos mais alinhados às necessidades do paciente;
  • predição no uso de recursos;
  • aperfeiçoamento no desempenho da organização;
  • modelo remuneratório baseado em valor, alinhado aos resultados assistenciais;
  • oferecimento de mais segurança ao paciente;
  • monitoramento nos serviços assistenciais, de modo a proporcionar mais eficiência e evitar eventos indesejados, como alta precoce.

Qual a relação entre sistema integrado de saúde e entrega de valor?

Entrega de valor em saúde é o oferecimento de resultados de qualidade, ao mesmo tempo em que se confere a diminuição de desperdícios. Isso só é possível a partir de um sistema capaz de unir tecnologia e inteligência artificial, para integrar os principais dados. Nessa relação, temos os seguintes resultados!

Segurança no armazenamento de dados

O acúmulo de dados em um ambiente hospitalar exige processos que garantam a segurança das informações, já que elas precisam estar disponíveis a qualquer momento, além de estarem preservados conforme a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) e protegidos de perdas por meio de backups diários.

Construção de um banco de dados importante

Hospitais e operadoras de saúde dispõem de muitos dados. Ter um banco que centraliza as informações facilita o acesso a todos os departamentos e às equipes multidisciplinares. Procedimentos, prontuários e demais informações de um mesmo paciente ficam armazenados e facilitam a tomada de decisão. 

Aumento na produtividade

A adoção de uma tecnologia resulta em mudanças positivas nos processos e fluxos de trabalho. A automatização propicia informações mais precisas e evita redundâncias. É possível avaliar procedimentos já realizados e auxiliar o paciente em um caminho mais eficiente, de modo a alcançar resultados mais consistentes.

Desfechos clínicos mais precisos

Os dados ficam disponíveis em tempo hábil. Isso permite que o profissional consiga se dedicar melhor ao cuidado com o paciente, propiciando mais qualidade no atendimento e reduzindo riscos de orientações equivocadas. A inteligência artificial realiza uma análise de histórico, faz combinações e estipula certos riscos.

Prevenção como foco

O uso de inteligência artificial também contribui para coletar e analisar informações de saúde, que levam a ações mais preventivas. Por exemplo, no cuidado de pacientes crônicos, é possível prever quantos deles necessitarão de atendimento especial, ou mensurar a probabilidade de pacientes saudáveis se tornarem crônicos. Também é possível fazer uma projeção a respeito do tempo necessário para a alta hospitalar.

Experiência do paciente

Em todas as interações, o paciente recebe tratamento de qualidade e tem boa experiência nos serviços. A comunicação é clara, os procedimentos são rápidos, o tempo de espera é dentro do aceitável e há facilidade no acesso aos resultados de exames. Isso propicia percepções positivas.

Um sistema integrado de saúde baseada em valor tem foco na cooperação, na entrega de mais valor e no gerenciamento de riscos, promovendo mais participação da equipe, ações preventivas, predições estatísticas e um tratamento personalizado. Essa integração consegue a reunião de informações necessárias para que, então, haja a garantia de uma alta mais segura.

Gostou de ficar por dentro do processo para garantir uma alta mais segura? Agora, entenda como o sistema de saúde está se preparando no pós-pandemia!


Créditos/Imagens

Posts Relacionados

Nenhum post relacionado até o momento


(31) 3241-6520 | grupoiagsaude@grupoiagsaude.com.br

Creative Commons

Direitos autorais: CC BY-NC-SA
Permite o compartilhamento e a criação de obras derivadas. Proíbe a edição e o uso comercial. É obrigatória a citação do autor da obra original.

Os Termos de Uso e a Política de Privacidade deste site foram atualizados em 05 de abril de 2021. Acesse:
© ‎Grupo IAG Saúde® e DRG Brasil ® - Todos os direitos são reservados.
Logo Ingage Digital